Simulação de financiamento de veículos Online?

Publicado por Eduardo em

Anúncios

Play

Ouvir Artigo

0 Minutos

Se o seu sonho é possuir um carro ou uma moto, mas não tem dinheiro para pagar à vista o valor de custo do automóvel, então provavelmente você já procurou informações sobre financiamentos de veículos.

Anúncios

No entanto, a maioria desses negócios são extremamente burocráticos e exigem que você preencha diversos pré-requisitos antes de liberar o valor que você está pedindo.

Sendo assim, para diminuir essa burocracia, foram criados os financiamentos online e, abaixo, vamos te mostrar o que você precisa saber sobre eles.

Anúncios

Veja também:
Financiamento de Motos Online – Descubra como funciona
CNH digital de graça – Confira como criar a sua
Leilão de Celulares da Receita Federal – Veja como funcion

Financiamento: o que é?

No caso de veículos, financiamento é um tipo diferente de empréstimo. Isso porque, ao invés de você pedir o dinheiro a instituição financeira e o dinheiro cair na sua conta para você pagar pelo carro, o próprio banco já negocia diretamente com o vendedor do carro (por exemplo, uma concessionária) sem que você precise intermediar a negociação.

Além disso, dependendo do tipo de financiamento, as taxas de juros cobradas podem ser menores do que se você optasse por um empréstimo.

Como funciona o financiamento?

O financiamento funciona da seguinte forma: quando você vai em uma concessionária e escolhe um automóvel, o vendedor informa para você o valor de comprar ele à vista.

Sendo assim, caso você não tenha o dinheiro completo para pagar o automóvel, pode ir até uma instituição financeira de sua confiança e negociar o financiamento desse valor, o que significa que o banco vai pagar pelo carro e você vai pagar ao banco, em prestações menores, o valor do carro à vista acrescido das taxas de juros. 

Quais são os tipos principais de financiamento?

Atualmente, devido à crescente demanda por financiamento de automóveis, a maioria das instituições financeiras trabalham com alguns tipos diferentes de financiamento, proporcionando ao consumidor a possibilidade de escolher qual deles é o que melhor se encaixa na sua própria realidade financeira. Nesse contexto, abaixo, explicamos como cada um desses financiamentos funcionam:

  1. CDC (Crédito Direto ao Consumidor): através desse tipo de financiamento, você pode comprar um carro ou uma moto financiado em seu nome e com a facilidade de um crédito que é aprovado de maneira bastante rápida. No entanto, o veículo fica alienado pelo banco, ou seja, você pode usá-lo à vontade enquanto paga as prestações, porém, não pode vendê-lo. 
  2. Leasing Financeiro: comumente solicitado quando a intenção é financiar veículos mais pesados ou de passeio, esse tipo de financiamento funciona por meio de uma espécie de “arrendamento”. Isso significa que o cliente pode escolher um veículo e ficar como se fosse “pagando o aluguel” dele durante um determinado período de tempo. Ao fim do prazo estipulado, caso queira ficar como proprietário do automóvel, basta pagar a taxa VRG, que é o Valor Residual Garantido.
  3. Leasing Operacional: através desse tipo de financiamento, você pode ter o carro que deseja pagando uma parcela mensal que cabe no seu bolso. O Leasing Operacional funciona da mesma forma que o Leasing Financeiro, ou seja, você não é proprietário do carro no começo da negociação. No entanto, a grande diferença entre os dois é que você pode escolher outro veículo ao fim do pagamento e utilizar o mesmo contrato, ou seja, ficar pagando o mesmo valor pré-estabelecido.

O que eu preciso para solicitar o meu financiamento?

Tendo em vista que o financiamento é uma transação bancária, qualquer empresa vai te pedir alguns dados básicos para que você possa solicitá-lo. Por exemplo:

  • CPF;
  • Documento de identificação oficial com foto (pode ser o RG, CNH, entre outros);
  • Documentação que comprove a sua residência;

Nesse contexto, caso o veículo que você deseja comprar seja semi-novo, você ainda vai precisar apresentar:

  • Comprovante de pagamento do IPVA;
  • CRLV;
  • Recibo de transferência reconhecido em cartório;
  • Documento de identificação oficial com foto do vendedor;

Como fazer o meu financiamento?

Depois que te explicamos o que é o financiamento e o que você precisa para fazer um, agora, te explicaremos como você pode solicitar o seu. Abaixo, tem um passo a passo para isso, confira!

  1. Escolha qual carro você deseja comprar e pesquise os valores disponíveis para saber se ele cabe no seu bolso;
  2. Escolha qual é a melhor forma de financiamento para você dentre as que foram apresentadas neste artigo;
  3. Veja em quais bancos você pode solicitar o seu financiamento (cada instituição tem uma série de pré-requisitos mínimos necessários para oferecer aos seus clientes a possibilidade de financiamento, sendo assim, você precisa se encaixar nesses requisitos);
  4. Escolha qual banco ou instituição financeira você deseja solicitar o seu financiamento. Nesse caso, você pode optar por uma tradicional, por exemplo, Banco do Brasil, Santander, entre outras, ou por fintechs (empresas que oferecem produtos financeiros através da tecnologia) como o Banco Inter, que oferecem financiamento através da internet. No primeiro caso, provavelmente você precisa ir até uma agência bancária para solicitar o seu financiamento. Já no segundo, basta entrar no site da instituição;
  5. Simule o financiamento e veja quanto você vai precisar pagar pelo financiamento do carro que escolheu (algumas instituições financeiras permitem que você faça essa etapa online, mesmo que o financiamento só possa ser solicitado presencialmente, portanto, consulte o site do banco que você deseja);
  6. Faça uma análise da simulação e veja se você consegue pagar por ela. Se possível, fale com alguém que entende sobre o assunto para saber se a oferta é realmente boa;
  7. Caso você goste do valor oferecido pelo banco, entre em contato com ele portando os seus documentos e preencha as inscrições;
  8. Ao fim, você vai passar por uma análise de crédito, o que significa que a instituição financeira vai analisar se você tem condições de pagar as parcelas do empréstimo do jeito que foi simulado. Caso você seja aprovado, o financiamento será liberado e então você poderá comprar o automóvel;
  9. Depois de aprovado, as empresas costumam exigir algumas coisinhas burocráticas, por exemplo, assinatura de contrato, reconhecimento de firma em cartório, algumas pedem fiador, entre outras coisas. No entanto, caso o carro financiado seja novo, essas burocracias ficam bem reduzidas e, assim, o processo anda mais rápido;

Comentários 0

Deixe uma resposta

Espaço reservado para avatar

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

pt_PTPortuguese